• Últimas Notícias

    quarta-feira, 3 de junho de 2020

    Marleide Cunha se desincompatibiliza da diretoria do Sindiserpum e será candidata a vereadora nas próximas eleições


    Cumprindo o prazo estabelecido pelo Tribunal Regional Eleitoral (TRE), a professora Marleide Cunha, se desincompatibilizará nesta quarta-feira (03) do cargo de presidenta do Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Mossoró (Sindiserpum), para concorrer a uma vaga à Câmara Municipal de Mossoró nas próximas eleições.
    Marleide vinha de dois mandatos consecutivos à frente do Sindiserpum e se tornou a voz mais atuante na defesa dos direitos dos servidores públicos e a principal opositora dos últimos mandatários a ocupar o Palácio da Resistência.
    Na gestão do então prefeito Francisco José da Silveira Júnior, chegou a ocupar, juntamente com os servidores, a prefeitura por uma semana, talvez uma das ações mais expressivas do sindicato nestes seus trinta anos de atividade.
    Marleide também liderou greves e protestos que, por muitas vezes, obrigaram gestores a ceder às reivindicações do Sindiserpum em favor dos servidores. Assim foi com os Fiscais Ambientais, por exemplo, que pararam as suas atividades por mais de cem dias, exigindo, e obtendo êxito, na implementação do seu Plano de Cargos, Carreira e Remuneração (PCCR).   
    Na gestão Rosalba Ciarlini, Marleide tem sido “a pedra do sapato” da prefeita, que, sem uma oposição ativa, tem usado de todo tipo de artifício para diminuir o poderio da sindicalista.
    Vereadores da base rosalbista também veem na professora, uma adversária ferrenha, tendo, inclusive, aprovado, no ano passado, de forma atabalhoada um título de Persona Non Grata para Marleide, o que só veio a reforçar a sua força junto aos servidores públicos e também junto à população.
    Marleide conseguiu ainda superar, junto com os demais diretores do sindicato, golpes pesados na tentativa de calar o movimento sindical, quando, no ano passado, Rosalba retirou da folha de pagamento dos servidores a contribuição sindical mensal. O sindicato, liderado por Marleide, continuou atuante e demonstrou, numa greve de professores, que não se dobra fácil.
    As atividades encampadas pela professora também encontrou respaldo na sociedade, sendo que grande parte de suas ações pautadas no bem comum, para que o serviço público pudesse alcançar, de forma mais efetiva, também os apelos populares.  

    Diretores do Sindiserpum comentaram as gestões de Marleide Cunha: 

    “Foi a mais competente e atuante condutora deste sindicato. Ela representou muito bem o sindicato em termos de conhecimento de causa, consciência política. Foi incansável na defesa dos direitos dos servidores públicos mossoroenses. Caminhar com ela nestes dois mandatos só nos encheu de honra, admiração e respeito”. (Eliete Vieira, diretora financeira).

    “Temos certeza que Marleide cumpriu muito bem o seu papel à frente do Sindiserpum e temos confiança na sua capacidade de luta. Combativa e competente. Poucas pessoas tem o nível de compreensão política que ela tem. Será grande por onde passar”. (Gilberto Diógenes, vice-presidente).

    “Além de uma grande companheira de luta, Marleide representou com grandeza todos os servidores públicos de Mossoró durante estas duas gestões. Tivemos grandes vitórias graças à sua perseverança. Sempre terá a nossa admiração e respeito”. (Celina Gondim, diretora de formação).      

    “Companheira e dedicada em tudo que faz, acredita sempre na transformação do ser humano através da educação e da luta. Seus ensinamentos nos transformou em pessoas aguerridas e determinadas, só tenho a agradecer. Espero que tenha bastante sucesso nesse novo desafio, com certeza terá”. (Jerônimo Emiliano, secretário).

    Das ações conquistadas nas gestões de Marleide, destacam-se:
    Insalubridade dos servidores da Saúde calculada pelo salário base;
    PCCR dos Fiscais Ambientais após mais de cem dias de greve;
    Piso dos ACS/ACE acima do Piso Nacional;
    Efetivação dos Agentes de Endemias;
    Liberação do FGTS dos servidores gerais, numa luta de mais de dez anos;
    Enquadramento dos ACE antigos no Piso Salarial;
    Os Reajustes anuais da Educação conforme determinação do MEC, com exceção do ano passado, quando a prefeita Rosalba Ciarlini ignorou a Lei do Piso.







    Publicado em 03 de junho de 2020. © Assessoria de Comunicação Sindiserpum. 

    3 comentários:

    1. Vamos juntos nesta nova empreitada!! Tenho certeza que será muito bem sucedida! Com Deus no coração.

      ResponderExcluir
    2. Tenho dúvida se ainda teremos um sindicato com uma diretora tão aguerrida, determinada , combativa, lutadora incansável pelos direitos dos servidores. Uma grande mulher que nao tem medo do enfrentamento c a arma da verdade . Por onde passar , com certeza fará história.

      ResponderExcluir

    Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Mossoró - SINDISERPUM

    Av. Rio Branco, 1642 - Centro, Mossoró - RN, CEP: 59621-144

    sindserpummossoro@gmail.com | (84) 3321-4790

    Receba as Novidades em Seu Email