• Últimas Notícias

    segunda-feira, 8 de junho de 2020

    Com salários atrasados, professores definem em assembleia virtual suspender aulas remotas


    Nesta segunda-feira (08), o Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Mossoró (Sindiserpum) realizou uma assembleia online com os professores municipais que deliberaram por paralisar as aulas remotas até que sejam pagos os seus salários e que haja a correção dos cálculos das horas.
    O sindicato já havia denunciado na última semana que a Prefeitura está com mais de R$ 6 milhões do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação – Fundeb retidos em caixa, e atrasando os salários dos professores, apesar de estar exigindo que realizem aulas remotas utilizando seus próprios equipamentos e internet, além de exporem a sua privacidade.
    Foi deliberado também que as aulas poderão ser suspensas novamente caso o salário do mês de junho não seja creditado até o último dia útil do mês na conta dos professores.
    “É um absurdo os professores precisarem entrar em confronto com a Prefeitura por conta dos seus salários, mesmo havendo dinheiro para este fim. Um absurdo que a esta altura, estejam com suas contas atrasadas, inclusive de suas internet e telefone, que utilizam para dar as aulas remotas, tão cobradas pela Prefeitura”, comentou Eliete Vieira, representante do Sindiserpum.

    Publicado em 08 de junho de 2020. © Assessoria de Comunicação Sindiserpum.    


    Nenhum comentário:

    Postar um comentário

    Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Mossoró - SINDISERPUM

    Av. Rio Branco, 1642 - Centro, Mossoró - RN, CEP: 59621-144

    sindserpummossoro@gmail.com | (84) 3321-4790

    Receba as Novidades em Seu Email